sexta-feira, 11 de maio de 2012

Anti-otaku


Yo minna!
Minha inspiração voltou! \o/ (Já tava na hora.)
Eu até deixei de entrar no Facebook pra segurar ela bem firme, porque, cá entre nós, o Facebook suga minha vontade de postar, mas a motivação de agora foi graças à ele.

Eu vendo umas imagens quando de repente, nos comentários, um homem diz que confundiu o Sasuke com o L. Pouco me importou a confusão do cara, apesar de que eu jamais faria essa confusão. Mas o pessoal que comentou depois dele ficou meio abalado falando de pessoas que só porque assistiram um pouco de Naruto falam que são otakus.

Bom, eu não me importo com pessoas que fazem isso, mesmo algumas sendo extremamente irritantes, mas infelizmente isso é cada vez mais frequente em nosso meio.

Pra começar, muitos otakus estão deixando de gostar de Naruto pelos (prováveis) seguintes motivos:

- Naruto é um anime que tá virando "modinha" e isso irrita muitos de nós
- Muitas pessoas assistem Naruto e já se auto denominam otakus (os chamados posers)
- O fato de que no começo do anime a história ser um pouco infantil demais em comparação com o que acontece na parte Shippuden, por essa razão os anti-animes afirmam que Naruto é coisa de criança.
- Etc... (o resto é pessoal de cada um)

Não é só Naruto, outros otakus reclamavam de Bleach e seus infindáveis fillers; e o que aconteceu? Bleach acabou.

(É amigo, se você não sabia, essa é a notícia.)


Outra coisa que prejudica a nação otaku é, pelo menos aqui no Brasil, trazer animes pra TV aberta (tem otaku que já se arrepia só de ouvir falar). Isso porque a dublagem atual faz cair a qualidade e muito do entendimento do anime fica perdido. Antigamente, as dublagens eram muito bem feitas e se encaixavam nos personagens, como Dragon Ball e Cavaleiros do Zodíaco.

Pessoalmente, acho que Naruto é um que é aceitável nesse aspecto, mas apenas no começo. Mas eu descobri Naruto por causa da TV aberta então não posso tacar o pau. Bom, não só Naruto, One Piece (apesar do pouco tempo que ficou no SBT e também acho que a dublagem era adequada), Dragon Ball que reinou na infância de muitos otakus junto com Tenchi Muyo, Yu Yu Hakushô e outros clássicos.
Yu Yu Hakushô é até um bônus da dublagem brasileira porque sofreu um abrasileiramento tão bem colocado que fez muito sucesso.

Bom, outra coisa que otaku tem pavor é anime censurado (acho que alguns infartaram ao ler isso). Sim, otaku foge de anime censurado igual o diabo foge da cruz (e com razão).

Enfim, acho que imagens falam mais que palavras quanto à isso.







Bem, algumas censuras eu me lembro mas não encontrei imagens.
Ok, mas pra que isso? Algumas são até explicáveis, mas nenhuma é digna de aceitação.
Por exemplo, a espada do Mihawk de One Piece e aquele do Naruto que está amarrado na imagem acima, pelo que encontrei, a razão da censura é para não fazer alusão à Jesus Cristo, tá mas alguém por favor me diga que criança fará uma comparação dessas? Sim, criança, porque nunca vi censura tão estúpida para adultos.
A obrigação dos profissionais desse ramo é saber que o anime já é uma censura do mangá. Peguemos Hellsing por exemplo, quem leu o mangá sabe que as cenas de lá são muito mais explícitas que no anime (apesar de que Hellsing nem conta...).

Eu poderia ficar horas dando exemplos aqui, mas a coisa central de tudo é que as censuras prejudicam muito a arte principal e na minha opinião, se é para ser "Livre para todos os públicos" a censura é prejudicial.

Imagine uma criança de mais ou menos 4-5 anos de idade assistindo One Piece.
Tudo normal nas piadas, no ambiente, até chegar na parte de luta.
A luta em si já deveria ser censurada pois estimula a violência, ok, vamos pra frente.
Uma faca ou espada machuca alguém, mas... peraí... cadê o sangue? Ótimo, não tem sangue >> pensamento da criança: "Então, se eu enfiar uma faca na mão ou em qualquer lugar eu não vou me machucar." (Imagine as crianças saindo por ai se auto esfaqueando por causa de One Piece.)

Resumindo...
Se é pra censurar, censure tudo ou não censure. Afinal é pra isso que existe uma coisa chamada "CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA".

Pra mim, esse tipo de censura é para afrescurar bebezinhos e criar crianças e adolescentes mais ordinários do que já estão surgindo.

Apesar disso, otakus, ainda tem uma notícia boa, animes como Hellsing, Elfen Lied e Gantz nunca passarão pelo SBT. Hahahahaha!

Vish, digitei muito!
Ya minna, é isso aí, vamos lutar contra as coisas anti-otakus.


Até o próximo post.

Ja-ne!

3 comentários:

Origami_ disse...

Yo, sou Origami e venho a trazer para você a Escola de Otaku!
- Aí você pergunta: Que treco é esse de escola? o.O
Bom...Aqui é onde otakus da internet se encontram e aprendem novas coisas tais como: design,desenhar etc...

Nosso objetivo além de ensinar é também divulgar, isto é, se você for matriculado[a] nós iremos divulgar seu blog em nossa escola.
Se interessou, entre:
----------------------------------------------------------------------
www.escola-de-otakus.blogspot.com
----------------------------------------------------------------------
Estamos te esperando ;)

PS: Se eu estiver violando alguma regra/termo de seu blog, por favor delete este post, pois não queremos intrigas com irmãos e irmãs otakus/otomes ...

UMOblog disse...

*-*
Adorei o post! xD

Anônimo disse...

para a imagem de cima seria legal se bota-se escrito "anime é coisa de criança"
kkkkkkkkkkkkkk

 
Powered by Blogger